sábado, 16 de maio de 2009

Petrobras: privatização à vista (ou a prazo)

Está criada a CPI da Petrobras. De fato, não sabemos o que ocorreu lá dentro – se houve manobra contábil para adiar o pagamento de impostos e, se houve, se essa manobra foi lícita. Caso tenha sido feito algo ilegal, deve haver uma investigação pela Receita Federal e os responsáveis devem ser levados a julgamento e a empresa, multada.

O que se está esquecendo é que a Petrobras praticamente sustenta este país. Se seu prognóstico é favorável, suas ações alavancam o Ibovespa. A petrolífera impediu que o preço do combustível disparasse quando o petróleo valia o dobro do que vale hoje, seguramente ajudando a combater uma possível inflação, e é uma das mais respeitadas companhias do mundo. Com essa CPI, os negócios ficarão mais complicados e suas ações podem cair.

Não custa lembrar que o PSDB, partido responsável pela CPI, quando no poder, fez o possível para privatizar a empresa e conseguiu vender parte de uma refinaria e terceirizar boa parte do serviço, além de produzir todas suas plataformas no exterior. Várias atividades que eram praticadas por ela tiveram que ser assumidas por novas subsidiárias, abrindo a porta para seu desmembramento.

O que vai acontecer se o partido ganhar as eleições para a presidência em 2010? Com Serra ou Aécio, coligados ao DEM e, com certeza, com a posterior adesão do PMDB, a coalizão vai ter os instrumentos para finalmente cumprir seu objetivo de privatizar a Petrobras.

18 comentários:

  1. História: o político romano Catilina teria iniciado desde cedo uma vida de crimes e vícios. Deu demonstrações de ambição e crueldade.Tentou ser nomeado cônsul, e não conseguindo, apelou. Cícero, interpelou-o no Senado: Qvosque tandem abvtere, Catilina, patientia nostra? (Até quando, Catilina, abusarás de nossa paciência?) - O que mudou? Bom. Venderam a Vale, a CSN, tentaram vender o BB, a CAIXA, todos os bancos públicos, e cadê o $$$? SHOW ME THE MONEY!!!! Mostrem-me um único homem honesto!!!

    ResponderExcluir
  2. Vocês estão parecendo o canceroso que prefere não saber os resultados de seus exames para não se abalar... A Petrossauro virou a nova imperatriz do brasil: "sagrada e inviolável".

    ResponderExcluir
  3. O comentário anônimo acima apenas reforça o conteúdo do que escrevi.

    ResponderExcluir
  4. Anõnimo da Silva Sauro18 de maio de 2009 16:32:00 BRT

    Flávio, acho você burro. Ou petista. Quase parecido, mas os petistas são burros & ladrões. Ainda com essa história de privatizar a Petrobrás? Vai ler antes de sair repetindo essa merda, pôrra!!!

    ResponderExcluir
  5. Anônimo da Silva Sauro19 de maio de 2009 08:40:00 BRT

    Olha... Você tem que passar por todo um processo de deslavagem cerebral.
    Sugiro que leia o blog do Reinaldo Azevedo. Ele é bem didático, e tem paciência pra desmontar esses mitos imbecis que abundam nas cabeças brasileiras.
    No começo é difícil pra quem tá "dominado", mas devagarinho você vai começar a questionar as suas próprias babaquices.

    ResponderExcluir
  6. Segue a questão: argumentos. Chamar de burro é não ter subsídios para debater.

    ResponderExcluir
  7. Flávio,

    O fato da Petrobras ser um dos pilares do comércio exterior brasileiro, referência para a calma ou tempestade no (puramente especulativo) mercado acionário nacional, e, claro, ter importante participação de capital estatal a isenta de um saneamento caso possíveis falcatruas estejam sendo cometidas em seus (nebulosos?)departamentos de contabilidade?
    Creio que não.
    Pelo que entendi do seu post, há a preocupação das consequências desta investigação trazer novamente à tona o debate sobre a privatização da empresa (à qual sou totalmente contrário), mas, a rigor, o que uma coisa tem a ver com a outra? Em outras palavras, o risco de PSDB voltar ao governo em 2010, com todo seu afã privatizante, deveria justificar uma relativização dos limites do tolerável em relação às atitudes da empresa? Mais uma vez, creio que não. Se a Petrobras sair dessa CPI enfraquecida, com a opinião pública revoltada e, para completar, o PSDB retornar ao governo com água na boca para privatizá-la, aí teremos um outro problema. Mas será OUTRO problema, cujo tratamento não deve ser função do encobertamento das calhordices de que a empresa está sendo acusada.

    Germano Machado

    ResponderExcluir
  8. Excelente ponto, Germano. A Petrobras pode auditada pelo TCU ou investigada pela Receita Federal. O fato de se formar uma CPI para investigar a empresa é tornar a discussão política. Considerada a divergência ideológica entre o PSDB e o governo, é de se esperar que a oposição utilize esse recurso para reafirmar suas diretrizes.

    ResponderExcluir
  9. Sugiro, para que seja mais fiel ao seu contéudo, um complemento, entre parenteses, ao nome desse blog: "Estado Crítico (mas que tem um grande afeto pelo lulo-petismo)"
    Parece mais adequado.

    cheguei e fui. Até nunca mais!

    ResponderExcluir
  10. O anônimo aí de cima não entende o que significa a palavra "Opinião" no título do blog. E não tem coragem de se identificar.

    ResponderExcluir
  11. Tomara que você esteja certo. A privatização (à vista ou a prazo, como você bem disse, tanto faz) desse antro de vagabundos petistas seria uma bênção. Assim, além de uma soma expressiva de dinheiro repassado à União, não teríamos que ver nosso dinheiro sendo usado para bancar festas juninas no fim do mundo, filmes ridículos, campanhas políticas de canalhas, blogueiros vagabundos que fazem propaganda disfarçada de jornalismo, chefões do partido desfrutando de contratos com a empresa (falo daquele fulano da land rover, qual é o nome dele mesmo?), royalties contados aos bilhões de reais indo parar no bolso de irmãos de ministros... Vc cobrou argumentos de uns anônimos aí em cima, não é? Pois aí há uma enxurrada para você contestar. Boa sorte.

    ResponderExcluir
  12. Waldschein Offentaube26 de maio de 2009 17:54:00 BRT

    Infelizmente esta joça não vai ser privatizada nunca. Se fosse, os únicos que perderiam seriam os prepostos do Moderno Príncipe que já a tomaram para si mesmo.

    Como não há privatização de verdade, mas privatização para alguns, o que precisamos mesmo é desprivatizá-la.

    ResponderExcluir
  13. Para o "outro anônimo", se seguirmos seus argumentos, o ideal seria uma anarquia na qual não haveria Estado, portanto, meios de haver corrupção. Vendemos a Vale, ela virou uma empresinha antes do governo retomar suas ações e transformá-la no que é hoje. A Petrobras valia um décimo do que vale hoje quando FHC era presidente e hoje é a empresa que mais paga impostos no Brasil, além de ter parte de seu lucro revertida para projetos culturais, esportivos e pesquisa. A Petrobras não é privatizável, pois não há empresa no mundo capaz de comprá-la pelo preço que vale. Ou você sugere fazer como a Vale do Rio Doce, que foi vendida por uns trocados?

    Se há corrupção, se há má gestão, essas coisas podem ser investigadas pelos órgãos competentes, e não transformadas numa empreitada política com a criação de uma CPI que não vai dar em nada, já que o governo vai ter o controle total dela.

    O PSDB deu um tiro no pé. Agora, para fazer campanha contra seu candidato, bastará dizer que eles tentaram enfraquecer a Petrobras para privatizá-la. Colou contra Alckmin, vai funcionar contra Serra ou Aécio.

    ResponderExcluir
  14. Na minha opinião o instituto da CPI deveria ser abolido no Brasil. Ele já se mostrou deveras que tem o caráter apenas político e nenhum investigativo.
    Entretanto, a CPI encontra respaldo na Constituição. A oposição conseguiu emplacá-la, e não há nada que possamos fazer.
    Quando soube da notícia da criação desta CPI, nem me preocupei. Apenas ri, fiz alguns vídeos e escrevi alguns textos. Não deveríamos ou devemos nos preocupar!
    Isto dá azo à alegação dos tucanodemos de que a Petrobras possui negócios escusos. Quer coisa pior para a empresa do que esta alegação???
    Portanto, o jeito é sentar e aguardar este circo se desenrolar. Até lá, a Petrobras apresenta sua defesa, na CPI e na Web. Quem sabe não sai fortalecida deste processo???

    ResponderExcluir
  15. Impressionante ver um sujeito que entra aqui para xingar o autor deste blog, pura e simplesmente porque não concorda com o mesmo.

    O hilário é que o dito cujo raciocina da seguinte forma: "não concorda comigo? Então você é do PT". É assim que funciona a cabecinha daquele sujeito.

    Mas falando sobre esta CPI, sinceramente, esta é mais uma inutilidade. Ora, deixem o MPU lidar com este caso que é de responsabilidade do mesmo e não este vexame de político fingir que está trabalhando via CPI de lorota.

    Quanto a privatizar a Petrobras, a indagação correta é: para quê? A empresa vai bem, obrigado. Privatizar por privatizar, ao que tudo indica, está inserido nos delírios de um desocupado.

    ResponderExcluir
  16. Muito bom o seu post Flávio, sou funcionário da Transpetro e essa questão tem trazido dor de cabeça a toda classe, a Petrobras se tornou a galinha dos ovos de ouro na nossa nação, hoje em dia, a questão não é só contra a privatização, mas devemos lutar pela estatização, já que infelizmente só é 32% da empresa é efetivamente nosso...
    Com relação a esses macaquitos do PSDB aí, nem perca seu tempo discutindo, o problema é muita gente perdeu os emprego de confiança, o pai perdeu emprego, o primo perdeu, a sobrinha perdeu, ou seja, a casa caiu! ehauehaue eles estão desesperados pra recuperar o seu ganha pão!

    A Petrobras vem crescendo vertiginosamente, já desponta nas cabeças entre as empresas mais lucrativas de acordo com a revista Forbes, além de ser uma das que tem o maior valor de mercado, ultrapassando o valor de meio trilhão de dólares!

    ResponderExcluir